Empreendedor Individual


  • Palestra
  • Responda as Questões
  • Registro de Alunos [8]
Conheça um passo a passo de como regularizar seu pequeno negócio, nesta palestra organizada pelo SEBRAE.






Onde posso dar entrada no pedido de registro de empreendedor individual?


Pela internet, no Portal do Empreendedor.
Na Secretaria do Trabalho e Emprego da minha região.
Na Prefeitura Municipal.
Na agência do INSS mais próxima.


Dentre as atividades ou profissões que não podem se formalizar como empreendedor individual, estão:


Cabeleireiros e esteticistas.
Advogados, engenheiros, instrutores, dentistas e consultores.
Fabricantes de salgados e doces.
Vendedores ambulantes.


Sobre o local adequado para exercer a atividade, logo após ter formalizado a situação de empreendedor individual, é correto afirmar:


Posso manipular produtos químicos em minha casa, no bairro onde resido sem problemas ou, deixar as roupas dos vizinhos cheirando a fritura quando estiverem penduradas no varal, pois isto não é problema meu.
Posso trabalhar com maquinário pesado, como serras, furadeiras e outros em minha residência, sem me importar com o barulho para os vizinhos.
Posso ter grande fluxo de veículos e de pessoas em minha residência, mesmo que isso atrapalhe o trânsito da rua onde moro.
É preciso ir até a Prefeitura para verificar se a minha atividade pode ser realizada no lugar onde resido sem prejudicar a coletividade, o que se chama 'uso e ocupação do solo'.


Quanto as coberturas previdenciárias a que tem direito o empreendedor individual, está correto afirmar:


Aposentadoria por invalidez, a partir de 6 contribuições mensais.
Aposentadoria por idade, sendo aos 60 anos de idade para mulheres e 65 anos de idade para homens, mais 10 anos de contribuições mensais.
Salário maternidade, a partir de 10 contribuições mensais.
Auxílio doença, a partir de 18 contribuições mensais.


Quando o empreendedor formaliza seu negócio, podemos afirmar que:


Funcionário público também pode ser um Empreendedor Individual.
Se eu for beneficiário do Bolsa Família, deixarei de receber este auxílio do governo.
Se for empregado e já contribuir com o teto do INSS, terá de recolher também o devido imposto para o seu negócio sem nenhum abatimento bi-tributação.
Se eu for aposentado por invalidez e me tornar um Empreendedor Individual, eu perco o benefício.



Declaro que EU assisti ao vídeo: Empreendedor Individual e respondi as questões solicitadas.
  • Data Inicial : 7/25/2017 22:29:18 UTC 2017
  • Ip do Computador : 54.167.245.235




  • Logs de acesso, com hora precisa de início e fim.
  • Movimentações no site
  • Todas tentativas de envio das questões para pontuar e receber o certificado.
  • IP, Tempo ativo etc...



Felipe Orben - nota (8) Nota que Felipe Orben obteve na avaliação do estudo. - resume:
pude esclarecer varias duvidas no que se refere a esta modalidade como onde eu posso fazer o registro e guais os passos devo seguir para que o "empresario" não tenha surpresas desagradáveis, tanto judicialmente como também na parte que se refere se eu posso abrir alguma coisa em minha própria casa, cujo eu devo ir até a prefeitura e analisar se é possível que eu tenha condições de abrir se que afete os vizinhos ou o transito da minha rua.

Rodrigo da Silva Vieira - nota (8) Nota que Rodrigo da Silva Vieira obteve na avaliação do estudo. - resume:
São diversas dificuldades que um empreendedor passa, porem se ele tiver vontade e objetividade ele vence no mercado

Idacir Antônio Morgan - nota (10) Nota que Idacir Antônio Morgan obteve na avaliação do estudo. - resume:
É muito simples ser um empreendedor individual e apresenta muitas vantagens como o registro de um CNPJ, cobertura previdenciária, isenção de alguns impostos e ter uma apenas uma taxa fixa mensal referente ao ICMS ou ISS e INSS.



Rosana Silva Pontelo - nota (10) Nota que Rosana Silva Pontelo obteve na avaliação do estudo. - comenta:
Ser um empreendedor individual é rápido, fácil e muito vantajoso. Tem vários benefícios pra quem já tem tem o seu negocio ou para quem deseja ser um grande profissional.

Carlos Roberto Rossini - nota (10) Nota que Carlos Roberto Rossini obteve na avaliação do estudo. - comenta:
ACHEI MUITO IMPORTANTE ESTE VIDEO PORQUE ESCLARECEU BASTANTE DE COMO EU DEVO AGIR PARA SER UM EMPREENDEDOR OU MICRO EMPRESARIO.

Edson Fernando Monteiro Rezende Júnior - nota (10) Nota que Edson Fernando Monteiro Rezende Júnior obteve na avaliação do estudo. - comenta:
Muito interessante a palestra ministrada, pois desenvolve o assunto de maneira objetiva e simples, sem que deixe de ressaltar pontos importantes sobre a formalização de um empreendedor individual.

Felipe Orben - nota (8) Nota que Felipe Orben obteve na avaliação do estudo. - comenta:
a palestra foi de bom proveito e pode ser usada para tirar todas e qualquer duvidas a respeito do assunto abordado.

Renata Ribeiro - nota (10) Nota que Renata Ribeiro obteve na avaliação do estudo. - comenta:
O projeto do Empreendedor Individual,sem dúvida, fora uma grande sacada por parte do governo federal porque conseguiu aplacar todas as dificuldades que tínhamos para formalizar os nossos pequenos negócios.Além do mais, ter uma cobertura previdenciária é simplesmente maravilhoso,uma vez que facilita bastante uma aposentadoria futura.Entretanto,apesar de todas essas facilidades,ano passado foi constatado que dos 2 milhões e setecentas mil pessoas,registradas como Empreendedor Individual,a metade não estava em dias com suas contribuições com a previdência.É uma pena que isso tenha acontecido e esteja acontecendo,pois esse projeto facilita muito a situação do pequeno empreendedor.



Você também pode deixar sua marca!!!
Além de contribuir com o aprendizado de futuros alunos você também ganha um troféu em seu certificado!

Somente é possível registrar resumo ou recado após enviar as questões para avaliação.

Processing your request, Please wait....