O Mito do Leite


  • Palestra
  • Responda as Questões
  • Registro de Alunos [8]
.






São fatores que contribuem para a osteoporose:


Álcool
Tabagismo
Açúcar
Hipotireoidismo


A lactase é produzida pelo corpo humano até qual idade:


4 anos.
6 anos.
12 anos.
9 anos.


São enfermidades relacionada com o consumo de leite de vaca:


Artrite.
Acne.
Esclerose múltipla.
Infertilidade.


São considerados os maiores consumidores de leite no mundo:


Nova Zelândia.
Oeste Europeu.
Austrália.
América do Sul.



Declaro que EU assisti ao vídeo: O mito do leite e respondi as questões solicitadas.
  • Data Inicial : 12/9/2016 9:44:01 UTC 2016
  • Ip do Computador : 54.158.92.239




  • Logs de acesso, com hora precisa de início e fim.
  • Movimentações no site
  • Todas tentativas de envio das questões para pontuar e receber o certificado.
  • IP, Tempo ativo etc...



Simone Daniel de Vargas - nota (10) Nota que Simone Daniel de Vargas obteve na avaliação do estudo. - resume:
O mito do leite vem em conjunto ao mito do calcionismo, que é outro problema sério, pois o cálcio do leite pode prejudicar, principalmente como vem sendo tomado. O que está ocorrendo é uma crise de bom senso, pois, ao pesquisar a maioria das literaturas isso não faz nenhum sentido. Se analisarmos podemos constatar que cada espécie produz leite com diferentes propriedades. Então não faz nenhum sentido nós humanos tomarmos leite de outra espécie. Além disso nosso corpo só produz enzima para a quebra de lactose até os 4 anos de idade, depois naturalmente não produzimos mais. Logo o consumo de leite de vaca e o consumo de leite na vida adulta não faz nenhum sentido. A maioria dos estudos não conseguem demonstrar a correlação entre o consumo de leite e o equilíbrio de cálcio no organismo. Onde se toma mais leite a incidência de osteoporose e fraturas é maior. Já nos países onde se consomem menos leite esse índice é bem menor. O consumo de leite pode trazer várias consequências ao nosso organismo, como artrite, enxaqueca, esclerose múltipla, dor nas costas, acne, doenças cardíacas, alergia, asma, obesidade, câncer de próstata, câncer de mama, doença de parkinson, infertilidade, etc. Essas doenças são causadas por vários fatores atribuídos ao consumo de leite, principalmente o leite industrializado que utiliza vários maneiras para que a vaca produza mais leite e esse leite resista por mais tempo.

Thais de Noronha Magalhães - nota (7.5) Nota que Thais de Noronha Magalhães obteve na avaliação do estudo. - resume:
Países onde tomam mais leite Nova Zelândia, Austrália, oeste europeu e America do sul há mais casos de osteoporose. Intolerância a lactose é quando o individuo não possui a enzima que quebra lactose. O leite contribui para o desenvolvimento de câncer de próstata e doenças cardiovascular. Não há relação entre consumo de leite com a quantidade de cálcio nos ossos. O esqueleto é constituído por dois tipos de osso: cortical e trabecular.

Luciana Sousa Santana - nota (9.3) Nota que Luciana Sousa Santana obteve na avaliação do estudo. - resume:
O mito do leite vem em conjunto ao mito do calcionismo, que é outro problema sério, pois o cálcio do leite pode prejudicar, principalmente como vem sendo tomado. O que está ocorrendo é uma crise de bom senso, pois, ao pesquisar a maioria das literaturas isso não faz nenhum sentido. Se analisarmos podemos constatar que cada espécie produz leite com diferentes propriedades. Então não faz nenhum sentido nós humanos tomarmos leite de outra espécie. Além disso nosso corpo só produz enzima para a quebra de lactose até os 4 anos de idade, depois naturalmente não produzimos mais. Logo o consumo de leite de vaca e o consumo de leite na vida adulta não faz nenhum sentido. A maioria dos estudos não conseguem demonstrar a correlação entre o consumo de leite e o equilíbrio de cálcio no organismo. Onde se toma mais leite a incidência de osteoporose e fraturas é maior. Já nos países onde se consomem menos leite esse índice é bem menor. O consumo de leite pode trazer várias consequências ao nosso organismo, como artrite, enxaqueca, esclerose múltipla, dor nas costas, acne, doenças cardíacas, alergia, asma, obesidade, câncer de próstata, câncer de mama, doença de parkinson, infertilidade, etc. Essas doenças são causadas por vários fatores atribuídos ao consumo de leite, principalmente o leite industrializado que utiliza vários maneiras para que a vaca produza mais leite e esse leite resista por mais tempo.

Francisco Augusto Coutinho De Brito Júnior - nota (8.8) Nota que Francisco Augusto Coutinho De Brito Júnior obteve na avaliação do estudo. - resume:
O mito do leite vem em conjunto ao mito do calcionismo, que é outro problema sério, pois o cálcio do leite pode prejudicar, principalmente como vem sendo tomado. O que está ocorrendo é uma crise de bom senso, pois, ao pesquisar a maioria das literaturas isso não faz nenhum sentido. Se analisarmos podemos constatar que cada espécie produz leite com diferentes propriedades. Então não faz nenhum sentido nós humanos tomarmos leite de outra espécie. Além disso nosso corpo só produz enzima para a quebra de lactose até os 4 anos de idade, depois naturalmente não produzimos mais. Logo o consumo de leite de vaca e o consumo de leite na vida adulta não faz nenhum sentido. A maioria dos estudos não conseguem demonstrar a correlação entre o consumo de leite e o equilíbrio de cálcio no organismo. Onde se toma mais leite a incidência de osteoporose e fraturas é maior. Já nos países onde se consomem menos leite esse índice é bem menor. O consumo de leite pode trazer várias consequências ao nosso organismo, como artrite, enxaqueca, esclerose múltipla, dor nas costas, acne, doenças cardíacas, alergia, asma, obesidade, câncer de próstata, câncer de mama, doença de parkinson, infertilidade, etc. Essas doenças são causadas por vários fatores atribuídos ao consumo de leite, principalmente o leite industrializado que utiliza vários maneiras para que a vaca produza mais leite e esse leite resista por mais tempo.



glycia Moreira Da Conceição - nota (9.3) Nota que glycia Moreira Da Conceição obteve na avaliação do estudo. - comenta:
Podemos disser que o Leite ele é um alimento bastante saudável, bem assim eu imaginava! Temos bastante duvida sobre essa assunto, então para mim assim que o assunto virol tanta polemica " O Mito do Leite" já vui a procura de que era verdade e de que era apenas mito .. para mi fazer um comentário sobre esse assunto e bastante confuso porque leite para mim sempre foi sabável ....

izaias westphal Junior - nota (10) Nota que izaias westphal Junior obteve na avaliação do estudo. - comenta:
Fiquei impressionado, e a partir de hoje mudarei meu hábito alimentar.

Luciana Sousa Santana - nota (9.3) Nota que Luciana Sousa Santana obteve na avaliação do estudo. - comenta:
o interessante é que tivemos a oportunidade de desmistificar as velhas historias e procurar na medida do possível nos precaver utilizando moderadamente o alimento.

Francisco Augusto Coutinho De Brito Júnior - nota (8.8) Nota que Francisco Augusto Coutinho De Brito Júnior obteve na avaliação do estudo. - comenta:
Países onde tomam mais leite Nova Zelândia, Austrália, oeste europeu e América do sul há mais casos de osteoporose. Intolerância a lactose é quando o individuo não possui a enzima que quebra lactose. O leite contribui para o desenvolvimento de câncer de próstata e doenças cardiovascular. Não há relação entre consumo de leite com a quantidade de cálcio nos ossos. O esqueleto é constituído por dois tipos de osso: cortical e trabecular.



Você também pode deixar sua marca!!!
Além de contribuir com o aprendizado de futuros alunos você também ganha um troféu em seu certificado!

Somente é possível registrar resumo ou recado após enviar as questões para avaliação.

Processing your request, Please wait....

.